Ser o melhor sozinho, pode não ser o suficiente.

Marcelo Cuellar escreve constantemente para a Você S/A, é administrador, pós graduado em Recursos Humanos e músico. Através de seu blog: “Na mira do headhunter, fala o que as empresas realmente querem na hora de contratar um talento.

Marcelo Cuellar

Administrador

***

Um dos elementos presentes em todas as carreiras de sucesso são as parcerias. As mais bem-sucedidas são as de longo prazo, construídas e lapidadas ao longo de vários anos. É quase uma unanimidade: não há profissional de sucesso que não conte com as parcerias certas como condição para ocupar sua posição privilegiada.

Nem todas as parcerias estão sempre visíveis, mas acredite, elas existem e sempre existirão!

Podemos construir diversas parcerias, mas existem três papéis essenciais com os quais você precisará contar ao longo de sua carreira:

Braço-direito: eu já há via falado um pouco desta figura que nos acompanha diariamente e que completa nossas qualidades de maneira exemplar. Ninguém é completo sem tudo o que faz; você precisa de um braço-direito que complete seu lado cego.

Mentor: todos nós precisamos de um Mentor. Não o confunda com um coach, ou com uma figura com quem você se aconselha diariamente. O Mentor é aquela pessoa que tem interesse genuíno no SEU sucesso, não somente profissional mas em todas esferas. É como um “sábio” que não lhe fornece as respostas, mas lhe ajuda a encontrá-las em um processo de aprendizado geralmente lento, mas contínuo.

Coach : é como o técnico de um time de futebol ou de vôlei. Ele lhe ajudará de maneira frequente (às vezes diariamente) a conquistar sua melhor performance e geralmente está ligado ao seu sucesso profissional. O coach ajudará você a encontrar a motivação necessária para dar aquele “gás extra”. Seu foco é mais de curto prazo e com um objetivo bem determinado.

Identificar quem são as pessoas que atuarão como seu braço-direito, seu mentor e seu coach irá lhe ajudar muito a crescer profissionalmente. Estes papéis poderão ser desempenhados por profissionais, mas familiares e amigos muito próximos podem ser um bom caminho também. O mais importante é saber que todos nós precisamos destas três figuras – formal ou informalmente – para desfrutar os de todo o nosso potencial. E olha que tem muito potencial  subutilizado por aí!

BOA SORTE !!

Anúncios

#Entrevistas – Marcelo Tas

Jô Soares entrevista Marcelo Tas em seu programa. Assista e entenda que o sucesso de Tas, hoje, comandando o “CQC” não é sorte e nem “acaso”, é resultado.

Se você, assim como eu, já o conhece dos tempos da TV Cultura (programa Ra-tim-bum), ficará ainda mais contente em relembrar estes momentos, rs… Abraço e até mais…

Coisas de Homem

Confira já este texto de Rafael Furlan, um amigo de grande talento, que transforma em textos, situações inusitadas de seu cotidiano, mas sempre termina com uma grande lição de vida.

Ele que já trabalhou como projetista mecânico, hoje passa suas mensagens através de seu blog e redes sociais. Vale muito à pena ler, rs…

Rafael Furlan

Comediante e Blogueiro

***

Bom dia pessoal, eu tive uma experiência recentemente que, meio que marcou minha vida, então pensei, porque não comentar um pouco.

Bom, para começar, lembrando um pouco do meu histórico pessoal, eu sou bailarino.
Sim, eu faço ballet, ensaio com aquelas roupas estranhas, coladas e tudo mais. Já adianto que a pior de todas elas é uma coisa chamada ‘Suporte’, usado para dar suporte ao órgão reprodutor masculino durante a dança e os ensaios, ele tem o formato de uma saqueira na frente e o formato de um fio cheiroso atrás.
Sim é isso mesmo, bem incômodo.
Vai, dá risada da vida alheia.
Agora uma coisa bem peculiar que aconteceu comigo, quando eu comecei a fazer ballet, foi uma conversa que tive com meu pai. Na época eu ainda morava com ele.
Estava eu no meu lugar, lavando louça após o jantar, quando discretamente ele senta-se na mesa, começa a observar-me, meus gestos, minha postura, então ele me pergunta.
“Baixinho, (sim, ele ainda me chama de baixinho e é legal pois ele é mais baixo que eu uns 20 centímetros) Quais são suas intenções dançando ballet?”
Agora refletindo, meu pai me conhece desde que nasci, foi ele quem me educou, criou, me ensinou muita coisa e o fato de ter começado a fazer ballet injetou uma dúvida enorme em sua cabeça a ponto de acreditar que eu tendia ao homossexualismo.
“Pai, eu continuo sendo homem e hétero.”
A resposta dele foi um “Ufa!” tão aliviado, mas tudo bem, hoje eu dou muitas risadas a respeito deste dia.
O interessante é que nas igrejas, o fato de um homem fazer ballet, não é bem visto agora pensa no seguinte.
Salmo 150, versículo 4
“Louvai-o com tamborim e com danças.”
Será que este versículo é só para as mulheres ou para todos?
Pois a Bíblia é exata, precisa, não deixa margens para dúvidas.
A partir do momento que há uma dúvida ou um anexo à Bíblia é coisa do homem.
Mais precisamente, do inimigo para criarem sentimentos errados no homem, neste caso o preconceito.
Então o preconceito é semeado, o mal é semeado, pessoas saem machucadas, magoadas e abrem-se os espaços para o inimigo trabalhar na vida dela.
Então, vamos parar de preconceito ou vamos continuar agindo em prol do inimigo, eu prefiro seguir à Bíblia e a palavra de Deus.
E você?

Sonho de Cinema

Conheci o trabalho deste grande talento, quando se apresentou em Osasco no ano passado com o grupo em que participo, (“Eles na Comédia”). Thiago Ventura, comediante dinâmico com ótima presença de palco, faz parte dos grupos: “Senhora Comédia” e “Riso Ereto” com shows todas as semanas em São Paulo.

E também escreve constantemente para o seu blog: “Momento Risada” (que você pode conferir clicando em sua foto e assistir o vídeo com o texto completo). Veja agora mesmo uma de suas “obras-primas”, texto que começou no blog e depois foi para o palco ou o contrário, rs…

***

Thiago Ventura

Humorista Stand up e Blogueiro

Um dia sonhei que estava envolvido em uma enorme batalha contra um SUPER HOMEM chamado HOMEM ARANHA que sempre andava com policiais altamente preparados mais parecidos com uma TROPA DE ELITE!
Perante a isso eu chamei alguns amigos meus, mas não foram muitos só uns 300. Na linha de frente estava: EU, ROBÔ, MEU VIZINHO MAFIOSO e O HOMEM QUE DESAFIO O DIABO que juntos éramos conhecidos como o QUARTETO FANTÁSTICO!
No começo da batalha virei para meu adversário e disse:
(eu) – SE EU FOSSE VOCÊ eu ia embora agora! Você provocou os homens que com apenas um DIA DE TREINAMENTO conseguiu vencer todos os JOGOS MORTAIS da CIDADE DE DEUS e que hoje são os + VELOSES E + FURIOSOS guerreiros de toda história desde A ERA DO GELO!
(ele) – Mas você não me conhece! Sabe de quem eu sou filho? Sr e Srª SMITH! Aliás, conheço todos vocês e EU SEI O QUE VOCÊS FIZERAM NO VERÃO PASSADO!
(eu) – Mentira, você não sabe! Eu sei que todos o conhecem como O MENTIROSO! E o meu 6º SENTIDO não falha! Você pode provar?
(ele)- Posso! Vocês roubaram a casa do idoso que vendia bijuterias!
(eu)- De quem?
(ele)- O SENHOR DOS ANÉIS!
(eu)- A, VA! TAR falando bobagem, sô! O da rua das BRANQUELAS?
(ele)- Isso mesmo! E você tem 60 SEGUNDOS para sair da minha frente com seus amigos BAD BOYS, pois me vencer é praticamente uma MISSÃO IMPOSSÍVEL!
Do nada começou maior quebra pau! Quando percebi já estava TODO MUNDO EM PÂNICO!
E isso sabe porque ? Por causa de uma jóia rara, uma tal de PEDRA FILOSOFAL, que é vendida irregularmente em uma CÂMARA SECRETA por um PRISIONEIRO DE ASKABAN que sempre bebe vinho em um CÁLICE DE FOGO e recebe ORDEM DA FENIX.
Por fim, foi apenas um sonho. Quero deixar claro que não saio por ai dizendo que EU SOU A LENDA, mas posso afirmar que MEU NOME NÃO É JHONNIE e que terei que terminar por aqui, pois sempre existe UM DIA DEPOIS DE AMANHÃ e se eu continuar só terminarei em 2012.